19 junho, 2008

A Q





em particular para quem não gosta do E A, num momento de consternação futebolística....

Em particular para o pulsante e o/a anónimo/a (da Isaura) que não gostam nada do EA. Coloquei dois sonetos para dividirem como lhes aprouver...


Antero de Quental, in sonetos completos

13 comentários:

VEU DE MAYA disse...

Oxigénio e pulmões para respirar bem ele tinha...mas faltou-lhe o ar do exterior...talvez não dos amigos mas da mediocridade que tb faz falta[!?] mais não seja para explicar este tipo de suicídios. Quanto ao soneto em si é toda a finura do espírito humano e filosófico.

abraços

JPD disse...

Quem é que não gosta de EA?

JPD disse...

Eu gosto de EA!

mdsol disse...

jpd
há quem não goste do E. de Andrade. E tem direito a isso rsrsr [este cantinho é (tenta) ser muito plural]
:))

Duarte disse...

Poeta da terra e muito bom.
Obrigado, sabes como gosto de sonetos, é outra poesia!!!
Nestes, um muito espiritual, mas com uma cadência no verso invejável.

mdsol disse...

jpd:
eheh qq dia faço a contabilidade... os que gostam, os que não gostam, e os que gostam assim-assim! O seu voto fica anotado! valeu
rsrsr
:))

Pulsante disse...

Eu poderia dizer que detesto EA. Mas detestar implica, de certa forma, uma espécie de apaixonada repugância, e EA é incapaz de me provocar isso. Apenas não gosto da sua forma de ver e de dizer o mundo e também não gosto dele.
Apesar de se dizer que "a cavalo dado não se olha defeito" eu declino a minha parte da oferta que a mdsol me fez. Esse foi o risco que ela conscientemente correu ao "presentear-me" com algo que sabia que eu não gostava.

Pulsante disse...

..."mal por mal antes o Antero"...

mdsol disse...

Pulsante:
eu falei de não gostar... não usei o verbo detestar.
Quem escreveu viva o Antero não fui eu.
Também não tive nada a ver com a "desilusão" do jogo contra a Alemanha!rsrsrrs
A única coisa que assumo é que gosto de brincar
Mainada!
:))

mdsol disse...

ou isso, mal por mal.... Ora se não tinha havido vitória...supostamente ...

Pulsante disse...

O jogo não me desiludiu. Ilusões, graças aos Deuses, já não as tenho há muitos anos.
Eu sei que não escreveste "detestar". Só usei a expressão como muleta para a explicação que o dito nem sequer me emociona. Quanto ao Antero, como julgo ter ficado claro com o "mal por mal viva o Antero", também não gosto mas "desgosto" menos porque acho que, apesar de tudo, escreve muito melhor que o EA.
Os gostos não se discutem e eu não gosto de romântico depressivos, pratiquem onde pratiquem.
Considero-os socialmente inuteis, irrelevantes quando se calam e prejudiciais quando se publicitam.
Prejudiciais porque são como maçãs podres...
Do ponto de vista estético são para mim "mau barroco".
Têm todo o direito a existirem e fazerem prova disso mesmo, da mesma forma que eu tenho o direito de deles pensar o que penso.
Mal por mal Cruzio Malaparte.

mdsol disse...

Pulsante:
Vamos deixar o Curzio Malaparte em sossego. Valeu?
:)

heretico disse...

posso gostar dos dois? poetas. claro...rss