30 março, 2008

homenagem ao "carneiro" (2) - capacidades didácticas

questionado sobre a forma da Terra que, a olhos vistos, não seria nada redonda...

_ ai num é? ora atão ponde um abião in Sancristóbo .... s' ele for sempre in frente, sempre in frente...ides ber s' ele num torna lá!

(o sr. Manuel - o Carneiro - era analfabeto, sozinho, amante do tinto e da aguardente e objecto da "brincadeira" de quase todos... trabalhava como criado para todo o serviço, naquela instabilidade que caracteriza estas vidas...um dos meus gostos era que a minha mãe me deixasse ir chamá-lo, depois de jantarmos, para ele comer uma malga de sopa quente (e mais que houvesse) e que a nossa Idália lhe servia à entrada da cozinha...ao meu modo sempre o protegi e acho que gostava muito dele e ele de mim...quando sentiu que eu já tinha saído da aldeia há tempo suficiente, começou a chamar-me senhora professora, eventualmente o maior elogio que ele conhecia para uma menina... e mais não digo que estou a ficar comovida...)

imagem: daqui

3 comentários:

GP disse...

Mal o Sr. Carneiro imaginava que o nome que te estava a chamar se ia tornar tão insultuoso...

Beijinho

mariadosol disse...

gp nem sei que te responda...mas fizeste-me olhar para a "historieta" com outros olhos...
de facto pode simbolizar o "prestígio" associado a ser professor que, por esse Portugal de então, em termos de poder era completado pelo Padre e pelo médico (não falo do Regedor)...
Era um prestígio muito assente no "porque sim"... " a autoridade não se discutia e só alguns iam à escola. Um dos problemas foi que, quando o "porque sim" deixou de funcionar, não se criou um prestígio alternativo... que, no meu modesto entender tinha de ser alicerçado pela afirmação de um profissionalismo indiscutível (o que não é fácil, sobretudo com a mudança de paradigma para educador...é que, a fronteira da acção de quem é profissional e quem também educa mas não tem essa profissão (os pais por ex.), é bem difícil de determinar)...Culpas? Acho que a palavra sistema se aplica aqui com mais propriedade que no dito "mundo do futebol"... e as vítimas acabam por ser e cito a parábola da Bíblia, as abelhas que não ferraram, mas que acabam por ser esmagadas como as que ferraram...
Ui onde eu já vou com a conversa..
Obg pela tua nova prspectiva para as minhas "missionarices" adolescentes com o Sr. Manuel (carneiro era alcunha) rsrsrs
beijo

mariadosol disse...

gp desculpa as gralhas do texto...escrever aqui directamente é o que dá..