02 setembro, 2010

reposições de verão







Ross, G. 
surprise












QUADRILHA

João amava Teresa que amava Raimundo
que amava Maria que amava Joaquim que amava Lili
que não amava ninguém.
João foi para os Estados Unidos, Teresa para o convento,
Raimundo morreu de desastre, Maria ficou para tia,
Joaquim suicidou-se e Lili casou-se com J. Pinto Fernandes
que não tinha entrado na história. 

Carlos Drummond de Andrade, uma, duas argolinhas, antologia poética, 185

publicado em 25 de Junho de 2008


[Eu bem sei porque é que hoje me lembrei deste post.]

5 comentários:

Mónica disse...

25 de junho é o dia da indepedencia de moç

e esse desenho é lindo! lembra o calendario adventista, cada janela trás uma surpresa até ao dia do natal, será q o autor pensou nisso? :DDDDD acredita q fez-me clic


e o dia da independencia tb faz clic

António P. disse...

Bela reposição.
Gosto :))

Daniel Santos disse...

apreciei.

Rogério Pereira disse...

Eu não sei porque se foi lembrar de uma coisa que nem sequer sabia...

... é que a Teresa, depois de Raimundo morrer saiu do convento e hoje é avó do meus netos...

Enfim, os poetas nem sempre sabem prever todo o futuro dos personagens envolvidos nos seus poemas...
J.Pinto Fernandes divorciou-se da Lili e agora anda p´rai...
(mas por acaso, não me importava de saber porque raio se foi lembrar disto...)

Espero que o Carlos Durmmond de Andrade me perdoe!

mdsol disse...

Oh Rogério, mas então isto não vai sempre dar tudo aos Jota Pinto Qualquercoisa desta vida?

:))))