22 abril, 2008

....eu vim de longe e hoje já é dia 22 de Abril...




Toca a acompanhar o ritmo com batimentos da palma de uma mão contra a outra...O movimento é o mesmo para destrímanos e sinistrómanos ...


obviamente também vale para os raros ... ambidestros

(com a devida vénia à minha amiga O. que me esclareceu o termo sinistrómano há muiiiiiiiiiiitos anos).

5 comentários:

um Ar de disse...

Não consigo acompanhar com palmas.

Partindo de uma raiz popular, as composições do Zé Mário Branco são tão clássicas que me deixam suspensa!...
Em silêncio meu.
A ouvi-lo, a ele.

Para além da voz profunda e cheia, da sua habilidade como compositor, é uma pessoa única, pura e boa!...

Obrigada pela lembrança.

[BEIJO]

Vieira Calado disse...

Antecipando o 25 de Abril, venho cumprimentá-la e desejar uma excelente comemoração.
Bem haja.

Duarte disse...

Um bello canto a la libertad.

Justine disse...

Que saudades do tempo em que cantávamos esta canção, e outras, em coro, com palmas, mesmo sem sabermos bem o que éramos!
Obrigada por no-la teres trazido :))

herético disse...

soube-me muito bem ouvir. aqui

(sou manifestamente sinistrómano. mas não me importo de bater em mão destrímana... acompanhando o teu ritmo... rss)