20 maio, 2010

um pouco mais de alma

.

Lenine, paciência

Mesmo quando tudo pede
Um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede
Um pouco mais de alma
A vida não pára...
Enquanto o tempo
Acelera e pede pressa
Eu me recuso faço hora
Vou na valsa
A vida é tão rara...
Enquanto todo mundo
Espera a cura do mal
E a loucura finge
Que isso tudo é normal
Eu finjo ter paciência...
O mundo vai girando
Cada vez mais veloz
A gente espera do mundo
E o mundo espera de nós
Um pouco mais de paciência...
Será que é tempo
Que lhe falta prá perceber?
Será que temos esse tempo
Prá perder?
E quem quer saber?
A vida é tão rara
Tão rara...
Mesmo quando tudo pede
Um pouco mais de calma
Mesmo quando o corpo pede
Um pouco mais de alma
Eu sei, a vida não pára
A vida não pára não...
Será que é tempo
Que lhe falta prá perceber?
Será que temos esse tempo
Prá perder?
E quem quer saber?
A vida é tão rara
Tão rara...
Mesmo quando tudo pede
Um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede
Um pouco mais de alma
Eu sei, a vida não pára
A vida não pára não...
A vida não pára...

[Adenda 1: alguma coisa esquisita se passa com os comentários. Lamento, mas não sei como evitar o seu desaparecimento. Só os leio porque também os recebo via e-mail.]
[Adenda 2: depois de uma noitada parece que os comentários resolveram aparecer.]

13 comentários:

Moon disse...

Lindo!

mdsol disse...

Moon:
Os comentários desapareceram

Ohhhh

:(((

Rogério Pereira disse...

MdSol
Apetece-me pôr esta canção, escarrapachada na parede do meu escritório, ao lado do Paul Gouguin
Nem sei porquê!
Mas não é apenas por ser bonita...

mdsol disse...

Rogério
O seu comentário também desapareceu.

:(((

Maria disse...

O google anda maluco com a 'crise'... e deve estar chateado porque o pm perdeu o par para dançar o tango, :)))))

Mais calma? Ainda?

Beijo.

Zélia Guardiano disse...

mdsol, querida

Maravilha!
Levanto de madrugada, venho aqui e encontro este lindo presente...
Obrigada! Mil vezes!
Um beijo.

PS- Não bastasse eu adorar o Lenine e esta música, minha filha que mora no Japão(e que não vejo há quase um ano...) também adora o Lenine e esta música... Entendeu?:)))
Outro beijo.

Justine disse...

Cantiga muito filosófica, que nos leva a refletir. E o que não nos leva a refletir, nos dias de cão que estamos a viver??
Beijinhos, fingindo ter paciência!

jrd disse...

O outro Lenine disse: Que fazer?

Eu apenas quero dizer -espantado- que tenho este video inserido no 'Blogger' para publicar no "Saturday evening XXVIII" do próximo sábado.
Não digo mais nada, mas se isto não é telepatia, não sei o que é telepatia.
E agora, o que é que faço?
Um abraço

lino disse...

Grande Lenine :))

Rogério Pereira disse...

MdSol
Uma noitada a recuperar comentários.
Já merecia toda a minha consideração. Agora. Agora ainda mais...

Esta assino como

Um admirador Leninista

mdsol disse...

Rogério

Os comentários é que fizeram uma noitada. À noite esgueiraram-se e só me apareceram de manhã!

:))))

Mónica disse...

lenine é q me entende :D

Rogério Pereira disse...

Tá bem.
Mas mantenho o elogio e...
a assinatura