06 maio, 2009

audições e visões alucinantes





Botero, F.
the thief
(2000)




CARREIRISMO

Após ter surripiado por três vezes a compota da despensa, seu pai admoestou-o.
Depois de ter roubado a caixa do senhor Esteves da mercearia da esquina, seu pai -lo na rua.
Voltou passados vinte e dois anos, com chófer fardado.
Era Director Geral das Polícias. Seu pai teve um enfarte.

Mário Henrique Leiria, contos do gin tónico, 19


Pink Floyd, money

12 comentários:

ana v. disse...

Venho deixar um beijo à mais assídua e divertida comentadora do Delito. E dou logo de caras com os Pink Floyd, que maravilha!

O seu blogue é óptimo, Maria do Sol. Parabéns. :-)

Ana Paula disse...

:))

Excelente relembrar dos contos do gin...

Um beijinho agradecido pelas tuas visitas... :)

Osvaldo disse...

Olá Mdsol:

Belo quadro de Botero...

Quanto ao "carreirismo" é a prova que para se chegar a altos postos, é necessária... experiência !.

Ps- no post anterior eu deixei lá quatro impressionistas cmo prometido...

àh... parabéns ao campeão. Mereceram.

bjs
Osvaldo

bjs
Osvaldo

~pi disse...

agudo como agulha!!

mário-henrique, sim!





beijo






~

lino disse...

Se tal acontecesse a todos os pais de filhos ou filhas assim, éramos um país de órfãos :))

Arabica disse...

:)))ora bolas! estou um bocado baralhada ;)) era o filho pródigo? :)


Beijos de sol, Solinho!

Anónimo disse...

Peço desculpa mas apaguei inadvertidamente um comentário seu que me deixou no Tomar partido sobre o Cristiano Ronaldo!

Jorge Ferreira

intimidades disse...

hahaha
a vida e surpreendente

Jokas

Paula

Maria Velho disse...

Fantástico "isto" dito pelo saudoso Mário Viegas. Tente no youtube. é de arrepiar :)
E muita ternura para si, mdsol!

Duarte disse...

Provavelmente sim...!

:))

Um forte abraço

mena m. disse...

Lindo!!!!

Beijos

jrd disse...

O grande Mário: O surrealismo no seu máximo.