12 dezembro, 2008

dia 12, capricho 24 e os deuses que resolvam o resto?







Mccarty, K.
december 12, 2007
(2007)




"Deus dá o frio conforme a roupa"

hummmmmmm esta sabedoria pop às vezes parece-me demasiado conforme


Jascha Heifetz, Paganini Caprice No. 24

14 comentários:

Duarte disse...

Certo! Quando penso em como os primitivo conseguiam ir assim, e viver daquele modo; com aquelas temperaturas, e meios de conforto...
Somos uns privilegiados!

:))

Besos

António Torres disse...

Bem, desse mesmo livro popular de sabedoria, poderíamos extrair que - Deus dá a fome conforme a despensa.
Ou ainda, num registo mais a puxar à política mas muito acertado, Deus dá os "Mários Nogueiras" conforme a paciência para os aturarem...

bcpcrime disse...

Excepcionalíssimo e eu que adoro a naturalidade...
Parabens...

Bento disse...

hum..hum...está ao nível de : pobres,mas honrados...ou quanto maior a nau maior a tormenta...É...a história repete-se...sempre para o mesmo lado!...

Jardineiro de Plantão disse...

Hummmmmmmmmmmm, fico com medo de um resfriado.

Abraços

intimidades disse...

nunca me conformo, nunca acho que nao consigo fazer mais

Jokas

Paula

anamar disse...

Deus dá, Deus tira ,consoante o estado de humor....
Obrigada pelos "caprichos"...
E cá fico á espera do post dorminhoco de ámanhã...
Bom week.end
Abracinho

prafrente disse...

Pessoalmente prefiro uma gélida manhã de Dezembro do que uma tórrida tarde de Agosto. Claro que o ideal seria um meio termo...mas não se pode ter tudo na vida.

Bom fim de semana

Lou Camille (na vida real Sílvia A.) disse...

eu pensava que dava a roupa conforme o frio!!!

Carminda Pinho disse...

Pois...e Deus dá nozes a quem não tem dentes. Deus os fez, Deus os juntou....:)))

Num tem nada a ber, pois não?
Terá sido Ele, que nos deu "um menino de oiro", que já aparece nos 10 mais bens vestidos (Armani) atenção!!! em 6º lugar... dass. Olha, se foi, é caso para dizer, que Deus dá porcos a pérolas.:)))

Beijos

observatory disse...

:)

hoje chove

amanha nao

:)

~pi disse...

parece o meu retrato!

ontem quando vi isto, quis deixar aí abaixo um grito não-escrito, não-audível

(mas seria certo lançar gritos aqui? - hesitei e fui-me, ouvi a noite branca.

pois à mula teimosa que disse atrás
acrescento que sou a que

pia-frio, a que chora-gelado,
(não há casa nem roupa assim-tanto.

caprichos e deuses palavram,

devoram e cospem

(que ninguém se incomode que eu também

- pra não destoar do comum

só me incomodo com esta natural crença de amar, (despropositada, inútil e ridícula,

com o limiar da minha própria dor,onde toda contida,

bem, não sei como acabar acabo,

~pi disse...

[ desculpa mariadosol
não digo mais nada sobre isto

o mundo é uma Côrte Real cheia de realeza, all over, acho que é isso,

( palavras ocas de agora,
"mas da Côrte homem não é"

todos nos tornámos seres de Côrte s e de corte s?

eu só quero ter sido transparente, que saibas que não joguei a nada aqui, que fui sempre uma pessoa e que se calhar me enganei muito?

- para mim, é muito importante que saibas isso.


( obrigada, beijo

poetaeusou . . . disse...

*
mas por aqui
já anda tudo de tanga ???
,
a começar pelo Adonis (david),
,
maresias nocturnas,
dou,
,