28 outubro, 2010

com kalimba


Luciana Souza canta Neruda, soneto 49

[fora, sem tempo, fica a música]

2 comentários:

Rogério Pereira disse...

(dentro, com tempo, oiço a música)

jrd disse...

Sugiro-lhe a leitura da revista "Retranca" se a encontrar por aí.