12 março, 2010

a luz e o mar

.





Wmberley, F.
the light, the sea
(1989)



E o dia amanheceu soalheiro.
:)))


Orquestra Regional Lira Açoriana, 4 temas acoreanos [pezinho da vila, olhos pretos, samacaio e lira] arranjo de Helder Bettencourt, 2006

5 comentários:

susana disse...

Boa estada!

Rogério Pereira disse...

Morte que mataste lira
Mata-me a mim que sou teu
Mata-me com os mesmos ferros
Com que a lira morreu

A lira por ser ingrata
Tiranamente morreu
A morte a mim não me mata
Firme e constante sou eu

Veio um pastor lá da serra
À minha porta bateu
Veio me dar por notícia
Que a minha lira morreu

Justine disse...

Aproveita bem essa luz, esse mar. Aqui,o sol ainda não se cansou:))

lino disse...

Bom fim de semana :))

intimidades disse...

mto bom

beijos
Paula