16 dezembro, 2010

ju







Goya, Francisco
asta su abuelo
(1890)






Espreitem este post! A época é dada a estes ternurentos regressos à infância. :)))

4 comentários:

salvoconduto disse...

Sou mesmo eu que estou a ficar com os olhos trocados? Então e o post do bibó porto?

Pelo Porto não se perde muito, já vai sendo hábito, já a Sara merececia o destaque...;)

Rogério Pereira disse...

Boa!

jrd disse...

Pois! Mas rábula por rábula, sempre é melhor esta do que a do Cavaco, dos netos e do Shrek...
:))

lino disse...

Está um mimo! Eu nem na RTP via o Marcelo, quanto mais no caixote do Lixo de Queluz de Baixo! Se quiser banha da cobra vou dar um passeio à Feira do Relógio. Pelo menos aí não querem fazer de mim atrasado mental e tratam-me gentilmente por freguês :D