25 abril, 2009

sábado de manhã (53)

Bilodeau, D.
between sleeping and dreaming

[A senhora do sábado de manhã de hoje tenta estar no espírito do dia. Vivi intensamente o dia 25 de Abril de 1974. Andei pelo Largo do Carmo e arredores calçando as minhas socas de madeira e completamente deslumbrada e feliz. O que se passou depois tem a ver connosco. Os capitães, fizeram o que tinha de ser feito.]

[A virose do "portátel" foi tratada. Está novo e mais limpinho que uma virgem da equipa das trinta que prometem aos que se imolam em nome dos ditos do profeta. Mas, a conselho do tratador, devo esperar um pouco para ver o que acontece. Não vou poder espreitar os vossos cantinhos. E se me fazem falta! Deixo a senhora do sábado de manhã programada porque compromissos são compromissos... :)))]

6 comentários:

Duarte disse...

Tinha um companheiro na tropa que dormia de pé nos reforços.
Esta é de corte asiático...
Tudo é possível!

Beijinhos e Feliz dia

Arabica disse...

Solinho,

às primeiras horas da manhã fomos avisadas da Revolução. A minha mãe cumpriu o seu papel: proibiu-me de ir para o LIceu.
Fiquei presa em casa, agarrada a um ecran de televisão, enquanto na cozinha a minha mãe, ouvia rádio.
Tão depressa a chamava eu à sala, como ela me chamava à cozinha.

Recordo tão bem aquela sensação de tudo estar a acontecer!
Do vibrar do coração, da emoção, da urgência de sair à rua!

Pela janela, via várias familias descerem a rua carregadas de sacos e sacos de alimentos, como se fizessem planos de se barricar dentro das suas próprias paredes.


Mulheres de sábado, de memória bem acordada :)


Um beijo e um abraço solidário ao portátil :)

Mr. Lynch disse...

Mdsol;
Não vivi o 25 de Abril de 74. Por onde andaria eu...?
Vejo este dia como algo muito importante que mudou o nosso país e acho todo o processo da liberdade como algo também um pouco poético.
Viva Portugal e viva a Liberdade.
:)*

um Ar de disse...

Felizmente, os meus pais não me proibiram de ir à Escola, apesar dos telefonemas, ainda de madrugada!
.
Lembro-me do silêncio das primeiras aulas. Pensei que só eu sabia...
.
Depois do toque para o intervalo grande, foi a festa!...
Afinal, não estava sozinha!
.
[Beijo...@]

susana disse...

A minha senhora do sábado de manhã nada que se farta... E esta ideia é muito engraçada.

Juani disse...

uhy esta se me habia pasado, vaya tela, un poco dificil la posura no crees?, pero la cuestion es dormir, dormir y dormir
saluditos