16 junho, 2010

se fossem gambuzinos era grave, mas como são gaifanas já não é? (2)






Sternberg, Cole
whose country is it 
(2009)




Alertada aqui, reproduzo a chamada de atenção: Estes não são os únicos documentos a desaparecer no processo dos submarinos. Um responsável da Comissão Permanente de Contrapartidas disse em tribunal que documentos relativos ao programa de contrapartidas dos submarinos desapareceram da comissão. O Ministério Público já empreendeu também buscas a gabinetes de advogados, nomeadamente à sociedade Sérvulo Correia, que assessorou a Defesa na negociação da compra dos submarinos. O MP esteve também na Uría Menendez, a sociedade para onde se mudou Bernardo Ayala, um dos principais consultores do Estado neste negócio, que na altura trabalhava no escritório de Sérvulo Correia. Os advogados têm invocado sigilo profissional para impedir a entrega dos documentos. A questão está em apreciação nos tribunais superiores. A ser verdade é muito grave, ou não?

11 comentários:

intimidades disse...

tenho de comprar gavetas sem fundo, sera que ha no Ikea?

Beijos
Paula

Maria disse...

Pois, já não é grave... e tudo o que envolver os nomes que conhecemos vai ser arquivado.
É assim este país!

Boa semana :)

Carminda Pinho disse...

Claro que é grave!
Igualmente grave, é ter a sensação que em Portugal nos habituámos já à insensibilidade que estes assuntos GRAVES, nos provocam.
É caso para dizer...ai Portugal, Portugal...

Olá linda!
Beijos
:)

Mónica disse...

mais uma história pra colecção :DDD

Justine disse...

Que náusea! whose country is it? Igualzinho aos outros, infelizmente...

ANGELINA GOMES disse...

é lamentavelmente, mas é o nosso país!!! tudo a saque e ninguém consegue colocar ordem em nada!!!

lino disse...

Aguarde-se pela costumeira CPI, ou aqui não haverá?
Beijinho

jrd disse...

Pode ser grave, mas não vem à tona.

Rogério Pereira disse...

MdSol

Já devia saber que a verdade, segundo o PiG, nunca vem ao de cima como o azeite...

Para responder directamente à pergunta dos submarinos:

Vai ao fundo
Vai ao fundo
e é grave,
sim senhor!
Que vida boa é a de Lisboa...

(não, o Fausto não canta bem assim

O Puma disse...

Vai tudo para a Torre do Tombo

ariel disse...

Esta sua série de gaifanas e gambuzinos é um MUST, só o títalu é de provocar um sorriso de orelha a orelha...
:)))