28 junho, 2009

as coisas às vezes parecem simples





Sander, L.
summer
(1960)











Dave Brubeck, blue rondo a la turk

7 comentários:

Anónimo disse...

Sim. Como disse o outro, as coisas simples, às vezes sao complicadas.
:)))
Por outro lado, às vezes somos nós que complicamos.
Ky

Violeta disse...

As coisas são simples, nem que seja pelo facto de não terem solução: As nossas balizas, interesses, pressupostos e mais o rol de obstáculos que criamos , enquanto seres humanos é que faz com que tudo pareça complicado.
Bom domingo, com chuva...

um Ar de disse...

É, mesmo e só, às vezes!
:)
O sol ajuda...
A chuva limpa...
.
[Beijo...@]

Ana disse...

Olá, Mdsol!
Mas porque será que entre uma coisa simples e uma complicada, escolhemos tantas vezes a complicada? Este enigma escapa-me!
Li há tempos um livrinho despretensioso de uma americana que defendia o seguinte: se pressente que uma coisa vai ser complicada, é porque vai. Pode escolher uma alternativa simples.
A ideia geral era simplificar a nossa vidinha. Achei uma óptima ideia!
Claro que o pior é pô-la em prática, o que agora até me dá vontade de sorrir...
Um bom domingo, Mdsol!
Beijinhos!

Duarte disse...

Quase sempre!

Beijos

~pi disse...

tudo é simples

( lembrei-me de alberto caeiro :)

preciso é destronar a ditadura do pensamento

per ma nente...

e sentir sentir sent ir _______




beijo






~

Graça Pimentel disse...

"A simplicidade é a satisfação máxima." disse Leonardo da Vinci.

Beijinho