31 janeiro, 2011

manhã de segunda, mas uma boa semana (63)






Katz, Alex
red tulips
(1967)





No dia 31 de Janeiro e de frente para o norte de África, desejo a todos uns ricos dias. :)))

Duarte Mendes, madrugada

30 janeiro, 2011

há domingos assim (28) [encontro futuro]





Badrawi, Fadia
blue squares
(2007)







Omar Khairat, a date with destiny

Andar a mergulhar e a nadar aqui contigo
Dá-me a oportunidade de que eu estava à espera:
Mostrar os meus atributos
Ante olhar apreciador.

O meu fato de banho do melhor material,
De tecido puro,
Agora que ficou molhado
Vê-lhe a transparência,
Como está colado ao meu corpo.

Tenho de admitir que te acho atraente,
Afasto-me a nadar mas logo venho para trás,
A chainhar, com conversas,
Só desculpas para ter a tua companhia.

Olha! Um peixe doirado a brilhar entre os meus dedos!
Vê-lo-ás melhor
Se te chegares para aqui,
Para o pé de mim

Egipto (1567 - 1085 a. C.), tradução de Helder Moura Pereira
Rosa do Mundo - 2001 poemas para o futuro 2001,351

Tenham um bom dia do senhor.

28 janeiro, 2011

ventos de mudança







Bedford, Whitney
Cleopatra (at the end of the empire)
(2009)







Começo do fim ou fim do começo, não sei. Os ventos de mudança saltitam pelo deserto fora.

ramalhete






Dufy, Raoul
bouquet d’anémones
(1953)





"Janeiro fora, cresce uma hora".


Tenham, então, um grande dia nesta última sexta do primeiro mês do ano agora começado. :)))

27 janeiro, 2011

cadeiras prendadas (5)







Gris, Juan
natureza morta numa cadeira
(1917)






Não lhes parece bem uma natureza morta numa cadeira? A mim também não. Mas, Juan Gris sabia...  Há  tanta natureza morta assapada em cadeiras importantes!

26 janeiro, 2011

25 janeiro, 2011

porque hoje é terça

Dire Straits, why worry

Baby I see this world has made you sad
Some people can be bad
The things they do, the things they say
But baby I'll wipe away those bitter tears
I'll chase away those restless fears
That turn your blue skies into grey
Why worry, there should be laughter after the pain
There should be sunshine after rain
These things have always been the same
So why worry now
Baby when I get down I turn to you
And you make sense of what I do
I know it isn't hard to say
But baby just when this world seems mean and cold
Our love comes shining red and gold
And all the rest is by the way
Why worry, there should be laughter after pain
There should be sunsh ine after rain
These things have always been the same
So why worry now

24 janeiro, 2011

contado não se acredita





Hirst, Damien
lysergic acid diethylamide LSD
(sem data)





Ide ler e apreciai, sem preconceito. A primeira vez que lá fui chorei a rir. Mas o caso pode perfeitamente dar vontade de chorar...

manhã de segunda, mas uma boa semana (62)





Blue and Joy
bonjour tristesse
(2010)




... de modo que, assumindo a minha tristeza não surpreendida, desejo uma boa semana. :]

23 janeiro, 2011

frio gelado





Opie, Julian
winter landscape
(2003)


Está muito frio e eu sem palavras que valham a pena. Só uma coisa: tão ladrão é o que vai à vinha como o que fica à porta. O centrão de interesses rejubila. Portugal treme de frio?

22 janeiro, 2011

reflexão imaculada e florida







Bierk, David
reflective still life
(1993)







:)))

sábado de manhã (144)






Rothko, Marc
untitled (reclining nude)
(1937-1938)






E, já vai uma grosa. As senhoras dorminhocas do sábado de manhã, neste momento reflexivo, agradecem reconhecidas a experiência. :)))

21 janeiro, 2011

que achas?





Trampolinices, é o que é. Há quem, até nos "aproveitamentos" que faz, seja pequenino. No próximo domingo o voto só é triste se deitar achas para a  fogueira.


Adenda: Juro que só agora, às 20.40h li isto. [Sim, que eu não sou trampolineira. Se tivesse visto antes citava com muito gosto, nem que tivesse de pagar sisa].

flores dos campos sem silvas







Aïzpiri, Paul
hortensia et fleurs des champs







Ora passem muito bem, os que por aqui vão passando. Tenham um dia bom. :)))

20 janeiro, 2011

sinal do tempo






Redden, Scott
red barn with cloud
(2006)







"Sim, faz mau tempo, mas é melhor que faça mau tempo do que não faça tempo nenhum"... [anciã russa]

19 janeiro, 2011

silêncio do bom



Posoon Park Sung
silence
(2008)





Jan Garbarek, Egberto Gismonti, Charlie Haden , silêncio


DE NOVO O SILÊNCIO

O silêncio é como se fosse água. Daquela água pura da montanha que se bebe directamente pelo coração.

Jorge de Sousa Braga, os pés luminosos
[o poeta nu - poesia reunida, assírio & alvim, 101]

18 janeiro, 2011

100









A escala aqui é pequenina, por condição e escolha. Mas é um gosto que a Anamar, do  mar à vista, seja a 100ª "seguidora" do bnb.

porque hoje é terça







Santucci, Selene
after you










Marisa Monte, sintomas de saudade

Eu só quero que você saiba
Que estou pensando em você
Agora e sempre mais
Eu só quero que você ouça
A canção que eu fiz pra dizer
Que eu te adoro cada vez mais
E que eu te quero sempre em paz

Tô com sintomas de saudade
Tô pensando em você
E como eu te quero tanto bem
Aonde for não quero dor
Eu tomo conta de você
Mas te quero livre também
Como o tempo vai e o vento vem

Eu só quero que você caiba
No meu colo
Porque eu te adoro cada vez mais
Eu só quero que você siga
Para onde quiser
Que eu não vou ficar muito atrás

Tô com sintomas de saudade
Tô pensando em você
E como eu te quero tanto bem
Aonde for não quero dor
Eu tomo conta de você
Mas te quero livre também
Como o tempo vai e o vento vem

Eu só quero que você saiba
Que estou pensando em você
Mas te quero livre também
Como o tempo vai e o vento vem
E que eu te quero livre também
Como o tempo vai e o vento vem

16 janeiro, 2011

há domingos assim (27)






Niki de Saint Phalle
vive l'amour





Tenham, então, um bom dia do senhor. :))



René Aubry, lungomare [album plaisirs d'amour]

resultado da "sondagem"

Em quem é que não vai votar para PR (no próximo dia 23)

no actual PR
  26 (41%)
no Cavaco
  18 (28%)
em Cavaco Silva
  6 (9%)
em Aníbal Cavaco Silva
  12 (19%)
no professor Cavaco
  1 (1%)

Votos apurados: 63

Agradeço a quem participou.

15 janeiro, 2011

14 janeiro, 2011

oração

Cavaco Silva que estais em Belém
Tenho tudo contra o vosso nome
Não me convenceis a comandar o "reino"
E não quero feita a vossa vontade.
[Assim já não erra com o que não é seu.]

O meu voto nunca lho daria, amanhã ou hoje
Não lhe perdoo perdoar as escutas
Assim como não perdoo quando se cala sobre quem nos tem ofendido
Deixando-se cair na tentação
De se livrar de explicações muito mal.

À Maria também.

desafogar







Sharon, Russell
landscape 7
(2010)









Wim Mertens, many a one [álbum: un respiro]

Emergência

Quem faz um poema abre uma janela.
Respira, tu que estás numa cela
abafada,
esse ar que entra por ela.
Por isso é que os poemas têm ritmo
- para que possas profundamente respirar.
Quem faz um poema salva um afogado.

Mário Quintana
[os cem melhores poemas brasileiros do século, selecão: Italo Moriconi, objectiva, Rio de Janeiro, 2001, 117]

13 janeiro, 2011

na boca do lobo




Stuelpnagel, Daniel
sem título
(2002)


Não há becos sem saída. Há sim, por vezes, entradas para becos cujas saídas obrigam ao esforço de nos elevarmos em planos muito difícieis.

12 janeiro, 2011

antes lírios





Cobb, Guy
irises





... e tenham um bom dia.

primeiro ósculo [com anjos, tenho de assear o título]







Bouguereau, William
the first kiss
(1873)











Rui Veloso, primeiro beijo

Recebi o teu bilhete
para ir ter ao jardim
a tua caixa de segredos
queres abri-la para mim
e tu não vais fraquejar
ninguém vai saber de nada
juro não me vou gabar
a minha boca e sagrada

estar mesmo atrás de ti
ver-te da minha carteira
sei de cor o teu cabelo
sei o shampoo a que cheira
já não como, já não durmo
e eu caia se te minto
haverá gente informada
se e amor isto que sinto

Quero o meu primeiro beijo
não quero ficar impune
e dizer-te cara a cara
muito mais e o que nos une
que aquilo que nos separa

Promete la outro encontro
foi tão fugaz que nem deu
para ver como era o fogo
que a tua boca prometeu
pensava que a tua língua
sabia a flor do jasmim
sabe a chicla de mentol
e eu gosto dela assim!

Quero o meu primeiro beijo
não quero ficar impune
e dizer-te cara a cara
muito mais e o que nos une
que aquilo que nos separa!

11 janeiro, 2011

a descoberta da pólvora





Hirst, Damien
allucinogenic head
(2008)







Podem não me dar a idade que tenho mas também ninguém me tira os anos...  :))))))

sinto-me ... encavacada (9)

Mísero, disse bem!

porque hoje é terça






Frankenthaler, Helen
viewpoint II
(1979)



Patxi Andion, me está doliendo una pena 

Me esta doliendo una pena
Y no la puedo parar
y se revuelve en silencio
tumba abierta en soledad
y quiero hacerla cometa
para poderla volar

Me esta ganando esta pena
y no le quiero ceder
y busca por ser palabra
y es por hacerse entender
en brazos de mi guitarra
y la tengo que esconder

Y en mi guitarra quisiera
dejar la pena llorar
hacerla surco en el tiempo
hacerla tiempo en la mar
hacer con la mar un viento
que se la pueda llevar

Me esta doliendo esta pena
acuñada en el portal
de este vacio sonoro
que no sabe adonde va
de este vacio que lloro
por quererlo remediar

Y en mi guitarra quisiera
Dejar la pena llorar
romper la monotonía
de este pueblo en carnaval
de este pueblo que me duele
cada día más y más
Y que es una imensa pena
que me tengo que callar

Me esta doliendo una pena

Y me tengo que callaaar

10 janeiro, 2011

teatro anatómico

P'la vossa alminha não percam o sempre interessante Teatro Anatómico.

José Mourinho - bola de ouro






Mourinho: bola de ouro. Melhor treinador do mundo. Muitos parabéns.

Oh senhora Merkl, oh senhor Sarkozy, oh senhores Mercados: nha nha nha nha nha nha. Tungas!

manhã de segunda, mas uma boa semana (61)






Fedden, Mary
ranunculus






 
...e, claro, uma semana clara e amorosa para todos, com a voz da lindíssima Aldina Duarte, que é uma sorte e faz todo o sentido. :)))



Aldina Duarte, sorte com sentido

09 janeiro, 2011

sinto-me ... encavacada (8)

Em casa de economista, acções de pau.
Olha para o que eu digo, não olhes para as minhas facções.

malemolência de domingo


Céu, malemolência

há domingos assim (26)









Picasso, P.
le pigeon aux petits pois
(1911)









Sacha Silva, paloma

Um dia do senhor muito bom e tudo e tudo e tudo. [Ah! e ouçam: cucurrucucuuuuuuuu]

07 janeiro, 2011

em frangalhos...




Voss, Meghan -  net
(pormenor)
escultura




Por aqui a rede está mais ou menos como o pormenor da escultura mostra. Espero que rapidamente se pareça menos com a desculpa  do silêncio do candidato que não se ri.

05 janeiro, 2011

que não te falte um isqueiro para acenderes o teu cigarro






Malangatana, Valente
a viagem secreta
(1960)






Morreu Malangatana.

Ouvi-lhe histórias com a mão dele a agarrar a minha, num gesto quase sagrado que me pôs em estado de encantamento e veneração. Se eu tivesse dons de escrita teria escrito qualquer coisa parecida com o que Manuel Jorge Marmelo escreve no Teatro Anatómico.

título vazio






Schnorf, Hans
empty space blue I
(2007)






 
Τρυπε, θελω ενα κορμι αθικτο

coisa séria

A maternidade Lusa da Costa, a maternidade Dias Portugueses e restantes maternidades espalhadas pelo país, [Badajoz também quis aderir, mas Elvas impôs-se argumentando que se houver oportunidade de negócio, reanima o  seu próprio serviço] apresentam um pacote promocional irresistível. Por apenas 105.378 acções (pais) e 149.640 acções (filhos) oferecem a oportunidade de se nascer uma segunda vez, completamente sério. Há a possibilidade de negociar a realização da experiência em locais exóticos, nomeadamente aproveitando parcerias com maternidades cabo-verdianas e estabelecimentos prisionais para ousados mais radicais.

04 janeiro, 2011

porque hoje é terça


Jovanotti, a te

A te che sei l’unico al mondo
L’unica ragione per arrivare fino in fondo
Ad ogni mio respiro
Quando ti guardo
Dopo un giorno pieno di parole
Senza che tu mi dica niente
Tutto si fa chiaro
A te che mi hai trovato
All’ angolo coi pugni chiusi
Con le mie spalle contro il muro
Pronto a difendermi
Con gli occhi bassi
Stavo in fila
Con i disillusi
Tu mi hai raccolto come un gatto
E mi hai portato con te
A te io canto una canzone
Di tutto quello che ho
Prendi il mio tempo
E la magia
Che con un solo salto
Ci fa volare dentro all’aria
Come bollicine
A te che sei
Semplicemente sei
Sostanza dei giorni miei
Sostanza dei giorni miei
A te che sei il mio grande amore
Ed il mio amore grande
A te che hai preso la mia vita
E ne hai fatto molto di più
A te che hai dato senso al tempo
Senza misurarlo
A te che sei il mio amore grande
Ed il mio grande amore
A te che io
Ti ho visto piangere nella mia mano
Fragile che potevo ucciderti
Stringendoti un po’
E poi ti ho visto
Con la forza di un aeroplano
Prendere in mano la tua vita
E trascinarla in salvo
A te che mi hai insegnato i sogni
E l’arte dell’avventura
A te che credi nel coraggio
E anche nella paura
A te che sei la miglior cosa
Che mi sia successa
A te che cambi tutti i giorni
E resti sempre la stesso
A te che sei
Semplicemente sei
Sostanza dei giorni miei
Sostanza dei sogni miei
A te che sei
Essenzialmente sei
Sostanza dei sogni miei
Sostanza dei giorni miei
A te che non ti piaci mai
E sei una meraviglia
Le forze della natura si concentrano in te
Che sei una roccia sei una pianta sei un uragano
Sei l’orizzonte che mi accoglie quando mi allontano
A te che sei l’unico amico
L’unico amore che vorrei
Se io non ti avessi con me
a te che hai reso la mia vita bella da morire, che riesci a render la fatica un' immenso piacere,
a te che sei il mio grande amore ed il mio amore grande,
a te che hai preso la mia vita e ne hai fatto molto di più,
a te che hai dato senso al tempo senza misurarlo,
a te che sei il mio amore grande ed il mio grande amore,
a te che sei, semplicemente sei, sostanza dei giorni miei, sostanza dei sogni miei...
e a te che sei, semplicemente sei, compagno dei giorni miei...sostanza dei giorni miei

[Eu acho que devem ouvir, sim, ouvir tudo até ao fim. Em havendo palpitações não entrem em cuidados, são palpitações das boas. :)))))]

03 janeiro, 2011

manhã de segunda, mas uma boa semana (60)






Weaser, Audra
warm winter
(2010)




Sem ziguezagues mas com interlúdios que desfaçam a monotonia. Boa semana :))



René Aubry, zig zag [album plaisirs d' amour (1998)]

02 janeiro, 2011

ano novo, derrota nova: fcp 1 - nacional 2







Tusinski, Karen
blue poppies III








Os azulzinhos do fcp perderam com o nacional da madeira, para a taça da liga. Umas papoilas azuis é o que é. Ohhhh :(((

amigo é coisa para se guardar


Milton Nascimento, canção da américa

Amigo é coisa para se guardar
Debaixo de 7 chaves,
Dentro do coração,
assim falava a canção que na América ouvi,
mas quem cantava chorou ao ver o seu amigo partir,
mas quem ficou, no pensamento voou,
o seu canto que o outro lembrou
E quem voou no pensamento ficou,
uma lembrança que o outro cantou.
Amigo é coisa para se guardar
No lado esquerdo do peito,
mesmo que o tempo e a distância digam não,
mesmo esquecendo a canção.
O que importa é ouvir a voz que vem do coração.
Seja o que vier,
venha o que vier
Qualquer dia amigo eu volto pra te encontrar
Qualquer dia amigo, a gente vai se encontrar.

Boa sorte para a PresidentA

nem tudo o que reluz é ouro, nem tudo o que balança cai







Caland, Huguette
silent letters
(2004)





Juntos em jejum.
Dois que o sendo são depois
Menos cada um.


Georges Moustaki, ma solitude

01 janeiro, 2011

ano novo, cara nova






Picasso, Pablo
woman in white
(1923)









Na "sondagem" que decorreu aqui no bnb, durante a última semana de 2010, esta senhora foi a mais escolhida. Assim, respeitando escrupulosamente a vontade do POVO, passarei a usar esta identificação a partir de agora.

Resultado final:
1 - peace mujer (Fairey)
  11 (25%)
2 - femme aux courses d’Auteuil (Gall)
  7 (16%)
3 - whispering garden (Li Li)
  5 (11%)
4 - woman in front of the sun (Miró)
  8 (18%)
5 - woman with a necklace (Modigliani)
  6 (13%)
6 - sem título (Armanda Passos)
  4 (9%)
7 - woman in white (Picasso)
  14 (32%)
8 - não escolho nehuma
  0 (0%)

Muito obrigada a quem participou na brincadeira

[Eu sei, seu sei que não expliquei o fito da escolha, nem admiti a menina de azul ao certame... Admito que, retirar do concurso a representação actual, pode ser um acto falhado da minha parte. Admito, sei lá!  É pena que lá para perto dos pastéis e da torre a representação actual continue empáfia e de fácies inquieta?  Isso, também eu acho...] :))))

ano bom [com música]


Josef Strauß, mein lebenslauf ist lieb' und lust Walzer, op. 263

Mein Lebenslauf ist Lieb' und Lust - musicava Strauß, o Josef. Oh, oh, se é. Para todos.

sábado de manhã (141)






Elwes, Damian
peace
(2010)




As senhoras dorminhocas de sábado de manhã esperam fervorosamente que todos tenham um ano bom, com muita pinta, boas cores e em paz.