29 junho, 2011

cem mil







Bukovnik, Gary
excited tulips







Oh meus (nem sei como vos nomear) esta coisa ultrapassou as 100.000 visitas esta tarde, fora as que cá vieram antes de eu ter aprendido a colocar o sitemeter. Este número redondinho aparece num momento em que ando com muito pouca disponibilidade não só para cultivar este canteiro, como para visitar os jardins por aí suspensos. O que não significa que eu não esteja muito grata a todos os que aqui passam e por tudo o que tenho aprendido nestas viagens virtuais. 
Beijinhos e abraços. :))))

20 comentários:

intimidades disse...

parabens

e agora vamos para os proximos 100 000

Bjinhos
Paula

Maria disse...

Parabéns!!!
Continuando o caminho... para as 500.000...

:)))

Mónica disse...

lindo numero sim senhora ;P

bons temposhein disse...

Notável!
:) :)

heretico disse...

a caminhar se faz caminho - por aqui que sempre com inteligência e elegância...

beijos

António P. disse...

É um número bonito : 100.000
Parabéns e que ganhe tempo para cultivar o jardim , mdsol :)

ariel disse...

Querida Maria do Sol,venham mais 100 Mil e muitos parabéns. Lá na minha tabanca também há festa de aniversário...:)))

Rogério Pereira disse...

Bom, só à minha conta serão à volta de 400, visitas diárias há mais de um ano, se não me engano...

Parabéns e use bem o tempo
Mesmo se não me aparece, não lamento

Boa?

Porfirio Silva disse...

100.000 anos é muito tempo!
Ah, não são anos, são visitas.
Mas é como se fosse.
Vai a seguinte dedicada forma de dizer:

*

Há um branco que nos protege do nada.
Um branco por onde passamos
apertados, às vezes doridos, mas despertos
entre duas perigosas veredas
de indiferença.
Há um branco atento,
que não nos protege do vento.
Um branco que é o próprio vento.

*

Beijos de parabéns.

O Gajo Tá Vivo Mas Nã Se Meche disse...

100.000 anos é um momento
na eternidade do tempo
vidas cuspidas plo vento
nesse momento desatento

(eu tento ma nã consigo)
Ah, não são anos, são visitas.
e eu que nem sequer sigo
das 100e tal das tais ditas

que fazem visitas
Mas é como se fosse.
ó gentes benditas
cento e tal é pera doce

para 100mil alcançar
bastam 3 anos apenas
de visitas serenas
para tantas marcas leixar


Há um branco que nos protege do nada.
há um preto que nos protege do
tudo
Um branco por onde passamos
um preto de que fugimos
apertados, às vezes doridos, mas despertos
destes dois extremos quase certos
entre duas perigosas veredas
de indiferença.
há uma perigosa doença
Há um branco atento,
que não nos protege do vento.
que nos suga a razão no momento
Um branco que é o próprio vento.
um branco qué um odre de vento
e um negro negro
que é odre de miséria

100mil qu'intressa é um nº de visitas repetidas
num mar de blogues
Fama Fumus
Finis Cinis
100mil zero...

O Gajo Tá Vivo Mas Nã Se Meche disse...

Uw 100 mile passus is opgeslagen en wordt's e comentarii mile weergegeven wanneer de 500 ou 1 milhão tanto faz

perdem-se anos de vida nisto
a duas horas por semana num ano
já perdi 100 e tal horas de vida

perdia-as de qualquer modo..

mas o commputadore e seus campos electromagnéticos maléficos sã
ao tornarem as células imortais

abreviando as breves existências

lino disse...

Venham outros tantos, sem mais impostos.

Daniel Santos disse...

parabéns e força.

alfacinha disse...

tem muito gosto
cumprimentos de Antuérpia

Aurora disse...

Parabéns! e vem quando puderes. Um blogue não pode ser um motivo para stresse, pelo contrário.

Justine disse...

Acabaste de ter a 100.001ª visita:)))) Com muito prazer meu, que fico sempre mais bem disposta após cada visita...
Beijinho de parabéns e boa continuação:)))

JP Costa e Silva disse...

eu é que agradeço

A.Teixeira disse...

Ena pá, e eu que ia deixando passar a efeméride...

Parabéns, Maria do Sol!

luisa disse...

e mais uma para a conta... :) Parabéns!

Sofia Loureiro dos Santos disse...

Já só faltam mais 100.000.